Essa pose de menina-meiga-santinha é só disfarce.
No fundo eu escondo o veneno alecrim-doce de uma mulher.

terça-feira, 24 de maio de 2011

Paparique-se


Todo pai e mãe tem dias em que acha que vai explodir se tiver que limpar mais um nariz escorrendo, ouvir aquela musiquinha pela milésima vez ou catar mais algum brinquedo do chão. Nessas horas, parece que a única solução ideal seria uma passagem só de ida, para qualquer lugar. Como essa solução não é muito realista, o melhor é admitir a exaustão e tirar um tempo para você, paparicar-se para não ficar louco.

Dez pequenos luxos para renovar as energias
Perguntamos às leitoras o que elas gostam de fazer quando dedicam um tempo só para si. O que as mães estressadas fazem para recobrar a paciência? As dez respostas mais citadas estão descritas abaixo.

São "mimos" que podem parecer modestos para quem não tem filhos, mas, para quem tem crianças pequenas, tempo é coisa rara, e uma rápida escapada para respirar já faz uma enorme diferença no resto do dia.

Por isso, da próxima vez que estiver estressada, tente as seguintes estratégias:

1) Um banho gostoso

Se tiver banheira, melhor ainda. Acenda umas velas, leia um livro ou uma revista, coloque música suave. Pode levar até uma xícara de chá ou uma taça de vinho para o banheiro. Para quem não tem banheira, uma boa chuveirada ao som de música, aproveitando para passar um creme especial no cabelo, já adianta.

O banho pode servir até de aquecimento para uma noite animada com o parceiro.


2) Cuidar da beleza

Uma ida ao salão de beleza para manicure, pedicure, massagem, limpeza de pele ou corte de cabelo. Além de você se sentir melhor, vai ficar mais bonita, e para variar alguém é que vai estar cuidando de você, em vez de você estar cuidando dos outros.

3) Um programa a dois

Um programinha com o parceiro levará vocês de volta aos tempos em que eram livres e desimpedidos para sair à hora que quisessem. Saia à noite, vá ao cinema, jante fora. Mas tente não passar o tempo todo falando sobre o bebê. Aproveite a disposição de avós ou familiares para cuidar do bebê ou das crianças sempre que puder.

4) Sair com gente adulta

Nem sempre há quem fique com as crianças para você sair com seu parceiro, mas vocês podem fazer um revezamento: cada vez um sai com os amigos. É bom ter conversas adultas de vez em quando, sobre outros assuntos que não os filhos. Você pode aproveitar e ir com as amigas àquele restaurante que ele não gosta, e ele pode ir assistir aos filmes que você acha sem graça. Todos saem ganhando.

5) Tempo para a saúde

Uma caminhada no parque, uma volta de bicicleta, uma corrida na praia. Escolha uma atividade saudável de que você goste, e que a tire da rotina.

6) Dormir!

Dormir o quanto quiser é o sonho dourado de muitos pais, principalmente quando o bebê é pequeno. Proponha um revezamento com o parceiro -- cada dia do fim de semana um pode dormir até a hora que quiser. Se você amamenta, não tem problema: dê o peito, devolva o bebê para o pai e volte para a cama (de porta fechada e com ordens para não ser importunada).

7) Repaginar o visual

Uma roupa nova ou um novo corte de cabelo fazem milagres para recarregar suas energias. Mesmo que você seja só fazer aquela tão adiada depilação no banheiro de casa mesmo, mas em paz, sem interrupções!

8) Ir às compras

Comprar alguma coisa para você mesma, tendo como brinde o tempo que quiser para escolher, é uma ótima pedida. Não precisa ir à falência; basta lembrar que você ainda é prioridade, já que suas últimas compras certamente envolveram uma loja para bebês. Se seu corpo ainda não está muito definido, presenteie-se com um bom sapato. Reparou como os antigos já não servem tão bem? É que o pé chega a crescer meio número depois da gravidez! Precisa de mais desculpa que isso?

9) Solidão

Ficar sozinha por algum tempo faz bem para a mente. Pode ser numa caminhada, numa ida ao cinema, numa saída para compras. Assim você reafirma sua individualidade, e a saudade que sente da criançada ajuda a dar mais paciência para as tarefas diárias.

10) Ler

Ter tempo para ler um livro ou mesmo uma revista é um grande luxo para quem tem filhos. Aproveite a hora da soneca dele ou quando tiver mais alguém para olhar seu filho, feche a porta e mergulhe na leitura. Você vai se sentir gente de novo.

Escolha o melhor jeito de se paparicar e aproveite! Seu filho só tem a ganhar com pais menos estressados.

PS>.... eu ainda não consegui me paparicar.... mas pretendo logo.

2 comentários:

Naíra Cecília disse...

Adorei os paparicos! rsrsrsrs
E só agora com o Pietro com quase 6 meses é que consigo me paparicar! Comprinhas e cuidar da beleza são os meus preferidos!!

E vc, trate de se paparicar viuuu? =)

Beijoo!

Elaine Redigolo disse...

ainda estou meio sem estímulo, é tudo mais complicado com o Pedro ainda recem nascido, espero poder fazer uma chapinha logo.

Quanto tempo falta para o natal?

Daisypath Christmas tickers